Deputado pede impeachment de Mourão por “conduta indecorosa”

 

O deputado federal Marco Feliciano (Pode-SP) protocolou o pedido de impeachment do vice-presidente da República, o general Hamilton Mourão, justificado pelo que ele chama de “conduta indecorosa” por porte do vice de Bolsonaro.

O documento tem 13 páginas e traz trechos do pedido de impeachment contra Dilma Rousseff que foi escrito por Janaína Paschoal, Hélio Bicudo e Miguel Reale Júnior, há três anos.

Feliciano tem usado as redes sociais para criticar Mourão. Em 13 de abril, por exemplo, ele tornou pública a sua insatisfação com o vice-presidente através do Twitter.

“Vejam abaixo as consequências da postura golpista que @GeneralMourao desperta na sociedade brasileira, na medida em que permanentemente se coloca como alternativa ao presidente @jairbolsonaro. Isso é ruim para a estabilidade das instituições e deve parar!”, escreveu.

O parlamentar evangélico postou prints de mensagens da jornalista Rachel Sheherazade, do SBT, que criticavam Bolsonaro e elogiavam Mourão e o vice-presidente curtiu tais mensagens.

Uma dessas mensagens dizia: “Palestra do @GeneralMourao em Harvard. Finalmente um representante do Governo não nos causa vergonha alheia. Muito pelo contrário: o vice mostrou como ele e o presidente são diferentes: uma é o vinho, o outro vinagre. Parabéns, pela lucidez, @General Mourão!”, escreveu Sheherazade.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *